Make your own free website on Tripod.com
Diários da Gina e do Gino

31/08/04

Neophemas
Contacte-me
Aves Disponíveis
Links
Técnicas de Criação
Periquito Australiano
Diários
Inventário
Galeria de Fotos
Gaiolas Bricolage
Abrigo de Jardim

 Diário (telegráfico) dos meus Periquitos lutinos:

Gina e Gino

Introdução

No dia 4 de Fevereiro de 2004, comprei a Gina. O dia 23 de Fevereiro, foi o dia do … Gino. Passemos às apresentações: a fêmea, é um exemplar amarelo lutino (Foto 1) com anilha vermelha (na pata direita – enganei-me). O macho é também um lutino muito mansinho, está anilhado devidamente com uma de cor amarela.

Espero fazer criação de lutinos com estes dois exemplares.

A Gina é uma ave muito bonita. Tem um pequeno defeito no dedo dianteiro da pata direita. Não apresenta unha. Espero que não seja congénito.

O Gino tem um pequeno problema numa das narinas. Parece estar obstruída. Com o tempo deve passar. As aves adquiridas em aviários parecem apresentar sinais de stress que levam algum tempo a passar.

Isto de adquirir aves em aviários é uma lotaria... Recomendo que, sempre que possível, o façam em tratadores.

 

23 de Fevereiro de 2004:

Estão juntos na gaiola branca redonda desde que o Gino chegou.

1 de Março de 2004:

Coloquei o ninho, com um pouco de aparas de madeira no fundo.

6 de Março de 2004:

Começam a mostrar os primeiros sinais de acasalamento. Hoje de manhã já os apanhei a namorar, coçando-se mutuamente.

8 de Março de 2004:

Começam a demonstrar interesse no ninho. Embora já entrem os dois dentro dele, ele parece passar lá mais tempo do que ela (?!).

10 de Março de 2004:

Ela já passa algum tempo dentro do ninho. Ele no poleiro e ela lá dentro. É assim que chilreiam e namoram.

16 de Março de 2004:

A Gina já passa muito tempo dentro do ninho.

 

19 de Março de 2004:

Deu início à postura. Não sem antes limpar completamente o chão do ninho retirando todas as aparas que eu lá tinha colocado.

Foi então posto o primeiro ovo. Parece pequenito e por fertilizar.

21 de Março de 2004:

Deveriam ter posto hoje o 2º ovo (?!).

   

23 de Março de 2004:

Depois de um intervalo, foi posto 2º ovo, por volta das 16h00m. Exactamente 1 mês depois de eu os ter junto. Devo dizer que, uma hora antes, estiveram em “cenas eventualmente chocantes”. Então, este ovo está fertilizado, quase de certeza.

25 de Março de 2004:

Boa!!! Mais um ovinho. Foi posto por volta das 13h00m. E vão 3.

27 de Março de 2004:

   

Como a ‘Docas já não mostra interesse em chocar os seus 2 restantes ovos, a Gina ganhou-os de rajada. Coloquei-os no seu ninho e foram imediatamente adoptados por ela. E, pôs o seu 4º ovo. São mais pequenos do que os dois que acabou de herdar dos vizinhos. Na foto da direita conseguem ver-se bem os ovos da ‘Docas. São os brancos opacos e ligeiramente maiores (e mais sujos…).

   

2 de Abril de 2004:

Decidi finalmente partir os últimos dois ovos da ‘Docas que estavam a ser chocados pela Gina. Claro, estavam fertilizados mas os embriões no interior já estavam completamente secos, fruto do desinteresse em continuar a chocar os ovos, quando a ‘Docas já tinha as 3 crias.

6 de Abril de 2004:

Dos 4 ovos do choco da Gina, observados a contra luz, 3 estão fertilizados e um não. Penso que terá sido o 1º ovo a ser posto. Lembro que o 2º ovo só foi posto 4 dias depois e, presenciei cenas antes da postura do mesmo. Isto será confirmado se a 1ª cria  eclodir daqui a 4/5 dias.

11 de Abril de 2004:

Pelas 17h00m nasceu a primeira cria do casal, depois de 19 dias de incubação.

Na foto da esquerda pode-se ver a 1ª cria do casal, com alguns minutos de vida. Já se pode ver o papo cheio.

Repare-se na zona do olho que, a cor predominante é o vermelho claro, indicativo de que os olhos vão ser encarnados.

Nas costas da cria, os dois ovos fertilizados; junto da sua cabeça, o ovo por fertilizar.

13 de Abril de 2004:

Às 08h30m nasceu a 2ª cria. Nasceu com um “apegar” muito fraquinho. Vamos ver se aguenta. Notei que passadas umas horas, já tem comida no papo.

16 de Abril de 2004:

De manhã, por volta das 08h30m tudo estava bem no ninho da Gina. Por volta das 10h30m, morreu a 2ª cria. Sempre notei falta de energia dela. A 1ª cria já estava muito maior e sempre teve mais comida no papo do que a 2ª. Assim, sempre foi muito fraquinho e não passou de hoje, tal como eu suspeitei desde o seu início de vida, onde nunca primou pela vitalidade.

17 de Abril de 2004:

A 1ª cria abriu os olhos.

19 de Abril de 12004:

Parti os dois ovos restantes: 1 estava em gema e o outro tinha uma cria quase pronta a eclodir. Pena não ter tido o estamina final para partir a casca.

11 de Maio de 2004:

Cria mostra vontade de sair do ninho. Já é mais do que tempo pois os 28 dias de vida já lá vão.

13 de Maio de 2004:

A cria e o Gino estão no viveiro grande por troca com o Peace. Este, está agora a fazer companhia à A Gina.

Este diário fica assim interrompido pois a Gina e o Gino estão em gaiolas diferentes.

Neophemas | Contacte-me | Aves Disponíveis | Links | Técnicas de Criação | Periquito Australiano | Diários | Inventário | Galeria de Fotos | Gaiolas Bricolage | Abrigo de Jardim

Este site foi actualizado pelo última vez em 22/05/04